A logística não está só nos transportes

Um dos custos escondidos dos transportes está  no uso de combustíveis e pneus. Quanto mais se consome de ambos mais caro fico o transporte rodoviário e mais ineficiente se transforma toda a cadeia logística.

As empresas de transportes brasileiras, em virtude da má conservação da malha rodoviária brasileira e dos constantes aumentos do diesel têm visto seus custos aumentarem de forma assustadora. Então podemos sugerir algumas estratégias de forma a reduzir esses custos.

A primeira está no uso da tecnologia de RFID nos pneus dos caminhões. Com ele é possível acompanhar de forma mais precisa o uso e o tempo de vida dos pneus. É possível utilizar essa etiqueta de RFID associada a portais de leitura automática de forma a acompanhar a entrada e saída desses insumos do estoque e sua utilização nos veículos.  Depois é possível acompanhar cada viagem que eles fazem ao passarem pelos portais de entrada e saída dos estabelecimentos. Com isso é possível saber seu ciclo de vida, seu armazenamento e se estão sendo movimentados sem o conhecimento das empresas. 

Outra solução que pode ser utilizada é um sensor de temperatura e pressão dos pneus. Esse dispositivo pode acompanhar a temperatura e pressão dos pneus informando ao motorista  a necessidade de encher ou esvaziar os pneus durante o trajeto. Isso permite que os veículos não trafeguem em condições diferentes das necessárias para a economia de pneus e combustíveis.

O uso combinado dessas tecnologias pode reduzir os custos de transporte, gerar economia para as transportadoras e consequentemente reduzir os custos gerais de transportes.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!